30 histórias da Stock Car que ficarão órfãs após o fim do autódromo de Curitiba

Pois é, até o momento, o circuito de Curitiba receberá a Stock Car pela última vez em sua vida. A pista, parece, será desativada para a construção de um condomínio de luxo.

E para ninguém vir acusar a gente de só falar de F1, juntamos nossas forças para fazer uma das pesquisas mais divertidas e desafiantes que já fizemos.

Existem muito mais histórias que imaginamos nessa vida nas pistas do Brasil. Cabe a nós valorizar em quanto é tempo. Com isso, fazemos aqui uma homenagem digna a uma das pistas mais importantes que este país já teve, com 30 histórias que você nem sequer lembrava ou imaginou.

Confira:

AUTOMOBILISMO - CHICO SERRA
Chico Serra como cover de Paulo Ricardo do RPM e Daniel no pódio da Stock Car em 1989

1 – 13% do total de provas da Stock Car foi disputado ali
Contando com a corrida derradeira, foram disputadas 56 provas no AIC.

2 – A primeira prova rolou só 22 anos depois de sua inauguração
O Autódromo de Curitiba foi inaugurado em 1967, mas a Stock foi andar lá pela primeira vez em 8 de outubro de 1989, após 106 provas, com vitória de Chico Serra.

3 – Faz parte do reino de recordes de Ingo Hoffmann: nove vitórias e seis poles
Chico Serra (sete vitórias e quatro potes) e Xandy Negrão (quatro vitórias e quatro poles) foram seus principais rivais. Do grid atual, Ricardo Maurício e Daniel Serra venceram quatro vezes.

4 – Possui a melhor volta que ninguém sabe quem fez, 1990
Esse é um dos grandes mistérios mal-solucionados de uma categoria que não cuida muito bem do seu passado. Tão grande que nem o jornalista/historiador oficial da categoria, Milton Alves, conseguiu solucionar.

5 – Só foi se estabelecer na segunda metade dos anos 90
A Stock Car não correu lá nos anos de 1992, 1994 e 1995, só ficando de vez a partir de 1996.

Os Gomes.jpg
The Gomes

6 – É a única pista onde os 3 membros da família Gomes marcaram poles e venceram
No quesito vitórias, Paulo tem duas (1996/99), contra uma de Pedro (2004) e Marcos (2015); já nas poles, o caçula dá um pau no pai e no irmão: quatro contra uma de cada.

7 – Recebeu a primeira corrida “oval” da Stock
Isso foi em 1991, no anel externo, que recebeu outras 14 provas nessa configuração até 2009; desde então, nunca mais rolou.

8 – Teve a primeira vitória de um Fittipaldi na Stock Car
Coube ao destino dar a Wilsinho Fittipaldi sua primeira conquista justamente nesta corrida do anel externo, com quase um minuto de vantagem para Paulo de Tarso, o segundo. A dupla Afonso Rangel/Oscar Chanoski completou o pódio.

9 – A primeira pole position de Paulo de Tarso
O pai de Tarso e Thiago Marques cravou 1min30s59 na segunda etapa de 1991, no traçado completo, mas não venceu a prova, o que coube à dupla Angelo Giombelli/Ingo Hoffmann. Tarso ficou em quinto.

10 – A única melhor volta de Flávio Trindade, em 1999
O piloto paranaense, que escreveu até uma biografia na década passada (chamada “Objetivo Definido”), teve naquele ano sua melhor temporada, ficando em sexto na tabela.

WilsonFittiblogdocarelli
Carro de Wilsinho que venceu em Curitiba em 91

11 – A primeira melhor volta de Cacá Bueno
No ano em que definitivamente se tornou uma estrela da Stock Car, 2002, ele cravou a primeira de 18 voltas mais rápidas até o momento na carreira em Curitiba.

12 – A estreia do piloto mais jovem da história: Thiago Camilo
No dia 23 de março de 2003, com 18 anos, seis meses e três dias, em Curitiba, Camilo se tornava o mais novo de todos os tempos, marca que por nove dias não foi superada por Gabriel Casagrande em 2013.

13 – A primeira pole de um estreante, Giuliano Losacco, em 2003
Depois dele, só Daniel Serra fez algo parecido, em 2007.

14 – A primeira melhor volta de David Muffato, em 2003
O paranaense estava começando a mostrar as cartas em uma temporada iluminada, quando conquistou seu único título.

15 – A última pole position de Raul Boesel, em 2003
Ela aconteceu 25 anos depois da primeira pole dele, em Goiânia no ano de 1979. Entre tudo isso ele correu na F1, Indy e foi campeão do Mundial de Marcas.

Boesel2003
Raul Boesel em 2003

16 – A única pole de Guto Negrão, também em 2003
Outro piloto que teve naquele ano sua chance de ouro, brigando pelo título até o fim do ano.

17 – A corrida da suposta ordem de equipe
Isso aconteceu também em 2003 e também envolvendo Guto Negrão. Antonio Jorge Neto liderava, mas supostamente deixou o companheiro de equipe passar, abrindo mão de sua primeira vitória. Claro que ninguém confirmou que foi ordem.

18 – A única melhor volta de Airton Daré
Depois de se aventurar na Indy com direito a vitória, Daré disputou uma temporada na Stock Car, em 2004. Este foi seu melhor resultado obtido por ele no período.

19 – A única melhor volta de Reck Jr., em 2005
O piloto natural de Loanda, no Paraná, não fez mais nada que impressionasse nos três anos em que participou da Stock Car.

20 – A primeira pole-position de Luciano Burti
Além dessa, em 2006, ele largou da posição de honra em Sta. Cruz, também naquele ano, e na prova de Ribeirão Preto de 2011.

,,Burti_poleStasab
Luciano Burti celebra pole de 2006

21 – A única melhor volta de Felipe Maluhy, em 2006
O paulista milita desde 2001 na Stock Car, já teve quatro poles, ganhou uma vez e outros seis pódios.

22 – A única melhor volta de Juliano Moro, também em 2006
O campeão da F-3 Sul-americana de 2000 e hoje construtor de protótipos curiosamente nunca vingou na Stock Car. Seu melhor resultado foi apenas este.

23 – A primeira vitória de Rodrigo Sperafico, em 2007
Este foi também o primeiro triunfo de um piloto paranaense no AIC pela Stock Car, acredita?

24 – A primeira melhor volta de Átila Abreu, em 2008
O então estreante grandalhão começou a chamar muito a atenção naquela temporada e esta marca fez parte integrante disso.

25 – A primeira pole-position de Ricardo Zonta, em 2009
Vindo da F1, Zonta mostrou velocidade, mas a sorte nunca lhe acompanhou muito. Tanto que ele demorou dois anos pra marcar sua primeira pole – a primeira também de sua equipe, a RZ.

7197584
Zonta rumo à pole em 2009

26 – A última melhor volta de David Muffato, também em 2009
Foi também o penúltimo grande resultado dele, antecedendo um terceiro lugar na etapa do Velopark, em 2011.

27 – A primeira vitória de Diego Nunes em 2010
Um dilúvio caiu no meio daquela corrida – comparável à etapa de Tarumã em 2014 – só que, neste caso, a corrida aconteceu e, em um mix de sorte e estratégia, Nunes levou a melhor.

28 – O título de Max Wilson em 2010
Por conta da chuva citada na história acima, Max conseguiu vivenciar a melhor história de sua carreira, no mesmo ano em que foi pai.

29 – A primeira vitória de Lucas Foresti, em 2015
O brasiliense andava bem nos treinos, mas nas corridas não conseguia vingar. Até aquela, onde foi rápido e perfeito rumo à vitória.

30 – Esta história acontece neste fim de semana
Só o fato de ser a última corrida do principal campeonato do Brasil por ali (pelo menos este é o cenário atual) já vale um tópico. Esperamos que ele seja completado por uma história bem bonita na corrida.